às 11:40:00

Docente tem três trabalhos aprovados em evento na Espanha

A professora dos cursos de Engenharia Civil e Engenharia Elétrica do UNIDEP, Me. Keli Starck, submeteu trabalhos relacionados a gestão de resíduos no X Simposio Iberoamericano de Ingeniería de Residuos

De 20 a 22 de junho, acontecerá, presencialmente, o X Simposio Iberoamericano de Ingeniería de Residuos, realizado na Universidad Jaume I de Castellón, na Espanha. A professora dos cursos de Engenharia Civil e Engenharia Elétrica do Centro Universitário de Pato Branco (UNIDEP), Ma. Keli Starck, teve a aprovação de três trabalhos submetidos ao Simpósio, que tratam sobre resíduos sólidos e caminhos para uma economia circular com zero desperdício.

O evento viabiliza avanços na gestão de resíduos. “É fato que a geração de resíduos é inerente à existência humana, portanto, possui relação com todas as áreas de formação. O tratamento dado aos resíduos sólidos é um dos maiores desafios enfrentados na atualidade. Não há mais dúvida de que a sua gestão afeta diretamente condições de saúde, sociais, ambientais, econômicas e até culturais de uma comunidade”, explica Keli Starck.

Os trabalhos aprovados serão apresentados no formato oral, e representarão o UNIDEP no evento, sendo eles: “Logística reversa de módulos fotovoltaicos: desafios e possibilidades no cenário brasileiro”, de autoria de Keli Starck e do professor do curso de Ciências Contábeis, Edegar Del Sent e do gerente de Tecnologias Educacionais do Grupo Afya Educacional, Ithalo Hespanhol de Souza; e os artigos “Gestão de resíduos sólidos urbanos na perspectiva da economia circular no contexto brasileiro” e “Economia circular: interação entre os sistemas da economia e os ecossistemas”, de autoria de Keli Starck e da sua orientadora de Doutorado na Unochapecó, Dra. Silvana Terezinha Winckler.

Segundo Keli, “ao desenvolver pesquisas buscamos o desconhecido, encontramos respostas e colaboramos com o desenvolvimento do assunto pesquisado. A pesquisa é de extrema importância para o universo acadêmico, pois permite a melhora na prática docente, contribuindo para o desenvolvimento regional”, ressalta.

------------

Matéria: Suelen Oldoni, acadêmica do 3º período do curso de Publicidade e Propaganda do UNIDEP

Revisão: Profa. Ma. Jozieli Cardenal Suttili / Jornalista MTB 9268 – PR

Coordenadora da Agência Experimental de Comunicação do UNIDEP

Foto: Alan Winkoski, Agência Experimental de Comunicação do UNIDEP

Contato: [email protected]


Fonte: