às 18:35:00

Acadêmicos de Educação Física são destaques no esporte

Acadêmicos do curso de Educação Física do UNIDEP destacam-se em diferentes modalidades, enquanto esportistas e atletas

No Centro Universitário de Pato Branco (UNIDEP), alunos do curso de Educação Física destacam-se em diferentes modalidades esportivas e mantêm uma rotina intensa de treinos, focada em competições estaduais, nacionais e internacionais. Taekwondo, triathlon, duathlon, corrida, bike, boxe e fisiculturismo são algumas das modalidades dos acadêmicos esportistas, que também revelam-se enquanto potenciais atletas, representando Pato Branco e região.

O taekwondo faz parte da vida de Nathan Gabriel Holz há cinco anos. O acadêmico e atleta, de 18 anos, soma títulos de Campeão Paranaense (quatro títulos) e Campeão Brasileiro (dois títulos). Para ele, a graduação potencializa ainda mais os seus objetivos no esporte. “O taekwondo mudou minha vida completamente. Meu sonho é ser convocado para a Seleção Brasileira e batalho muito para isso, todos os dias. Ser atleta e acadêmico de Educação Física no UNIDEP me ajuda a expandir meus conhecimentos, bem como a minha atuação no esporte”, disse.

As modalidades escolhidas por João Vitor de Souza Sambugaro, 20 anos, são o triathlon e o duathlon – e já renderam importantes conquistas ao atleta, tais como: campeão Elite Duathlon do Fogo de Chapecó (SC); vice-campeão Elite, Duathlon do Circuito de Triathlon de Caiobá (PR); vice-campeão categoria no GP de Triathlon de Guarapuava (PR); e vice-campeão Elite no Desafio das Serras de Ciclismo de Estrada.

“Praticar o triathon, bem como suas modalidades distintas, me renova a cada dia. Ele representa minha gratidão pela vida, para que eu possa usufruir de toda a saúde que tenho, conhecendo novos lugares e explorando novos horizontes. O UNIDEP e o curso de Educação Física me inspiraram a não somente praticar esse esporte, mas a compartilhá-lo com outras pessoas. Transmitir todo o meu conhecimento, empírico e agora científico, me ajuda a treinar e estudar cada vez mais”, ressalta João, que mantém uma rotina diária de treinos.

Para Jéssica Soares da Silva, 29 anos, a vida de esportista divide-se em três modalidades: corrida, bike e boxe. Ela soma colocações de destaque em diferentes competições, tais como: Correr e Caminhar Para Viver Bem - Chapecó (3° Lugar Geral Feminino, Corrida 5 km – 2018); Meia Maratona de Pato Branco (3° Lugar - Categoria 25 a 29 anos, Corrida 21 km – 2019); Virada Maceió (AL) (3° Lugar - Categoria 25 a 29 anos, Corrida 15 km - 2021).

“As melhores conquistas são diárias. Faço do esporte minha motivação para crescimento na carreira da Educação Física. Participar de várias modalidades me traz valorização pessoal, além de saúde e vitalidade. O UNIDEP me inspira e motiva, especialmente durante as aulas práticas, que são essenciais na formação acadêmica”, conta Jéssica.

Já Jean Lucas Novadzki, 22 anos, encontrou-se no fisiculturismo, em que soma títulos na Copa Oeste, no Musclecontest Cascavel, no Eduardo Correa Classic, e em outras competições da modalidade. “O esporte, para mim, representa superação, foco e disciplina para conquistar meus objetivos. Enquanto acadêmico de Educação Física, aprendo sobre a complexidade dos assuntos relacionados à musculação e à rotina de treinos, reforçando a responsabilidade que um bom profissional tem ao atuar na área, tanto como treinador ou como atleta”, frisa.

Outro exemplo de acadêmico que também destaca-se é Edemiro Ferreira dos Santos, 40 anos, que há 12 anos pratica corrida de rua. Com experiência em competições nacionais e internacionais, foi campeão geral na categoria militar da Maratón Internacional de la Bandera (Argentina), em que também soma títulos em diferentes eventos e categorias.

“Em 2017 realizei meu maior sonho, que era completar os 42.195 quilômetros em menos de três horas (sub3). A corrida transformou minha vida, me possibilitou conhecer vários lugares do Brasil e também alguns países, como Argentina e Paraguai. Boa parte da minha motivação veio do meu treinador e da minha psicóloga. Por ter perfil de treinador, o curso de Educação Física do UNIDEP me possibilita buscar essa meta e trilhar meus objetivos”, ressalta Edemiro.

O coordenador do curso de Educação Física do UNIDEP, professor Pablo Aurélio Dourado, explica como a graduação potencializa talentos no esporte: “como somos um curso voltado ao treinamento, desde a base ao alto nível, acreditamos que o talento é construído por meio de intervenções constantes e muito estudo. Potencializar um talento esportivo é muito mais do que “ser bom naquilo”, é dedicar cada momento do seu dia para aquele tipo de esporte. O curso de Educação Física do UNIDEP insere em seu currículo várias disciplinas que se voltam a encontrar, preparar e potencializar talentos esportivos”, frisa.

Ele também enaltece a importância de ter acadêmicos sendo destaques em diferentes modalidades esportivas. “É um orgulho imenso poder dizer que estes atletas são nossos alunos, campeões e campeãs a nível nacional e internacional, dividindo a sala com seus colegas, trazendo suas dúvidas e, principalmente, fazendo parte do organismo vivo que é um curso de formação superior. Falo em nome de todo o colegiado, que percebe estes atletas destacando-se e aplicando conhecimentos e técnicas estudados em sala. Isso é, sem sombra de dúvidas, uma sensação de dever cumprido”, completa.

------------

Matéria: Profa. Ma. Jozieli Cardenal Suttili / Jornalista MTB 9268 – PR

Coordenadora da Agência Experimental de Comunicação do UNIDEP

Foto: Alan Winkoski, Agência Experimental de Comunicação do UNIDEP

Contato: [email protected]


Fonte: