às 13:53:00

UNIDEP fortalece atuação da Comissão de Inclusão e Acessibilidade

Acadêmicos PCDs e com necessidades especiais de aprendizagem têm acolhimento e acompanhamento psicoeducativos constantes

No Centro Universitário de Pato Branco (UNIDEP) há diversas práticas de inclusão e ensino para Pessoas com Deficiência (PCDs) e também para alunos com necessidades especiais de aprendizagem. Além de oportunizar acompanhamento pedagógico, disciplinas regulares e cursos de extensão em Língua Brasileira de Sinais (Libras), destaque para a atuação do Núcleo de Acessibilidade e Inclusão (NAI), que recentemente mudou de nomenclatura e tornou-se Comissão de Inclusão e Acessibilidade (CIA). O setor também configura-se como mais uma extensão do Núcleo de Experiência Discente (NED), atuando em sinergia com o Núcleo de Apoio Pedagógico e Experiência Docente (NAPED). Esse trabalho intersetorial e multidisciplinar acolhe os acadêmicos do UNIDEP de forma ampla e integral, por meio de atendimentos e apoio psicoeducativos.

A coordenadora da CIA e do NED, Jaqueline Bernardi Ferreira, explica que os acadêmicos PCDs do UNIDEP têm acompanhamentos pedagógicos semanais ou quinzenais, de acordo com a necessidade de cada um. “Nesses atendimentos, com foco pedagógico, a profissional que atua como neuropsicopedagoga faz uma análise individual das necessidades especiais de aprendizagem, aplicando ferramentas e técnicas adequadas com o objetivo de potencializar o processo de aprendizagem e também elabora, em conjunto como o aluno, seu plano de estudos, permitindo um acompanhamento mais próximo e incentivando sua autonomia”, frisa.

Outra atuação da CIA é o acompanhamento na aplicação de avaliações e a adaptação de conteúdos e avaliações. “Assim, também acompanhamos colegiados que possuem alunos PCDs e com necessidades especiais de aprendizagem, para orientar e dar suporte na elaboração de atividades e também na condução comportamental dos estudantes. Nossa missão de transformar vidas pela educação é genuinamente potencializada quando tratamos de nossos alunos inclusos, oportunizando que eles encontrem apoio, incentivo, respeito e afeto. Nosso desejo é que nossos alunos sintam-se inseridos e acolhidos”, pontua Jaqueline. 

A CIA também contempla as diretrizes da Lei No 13.146, a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência. No UNIDEP, essa postura também compõe os valores da IES, que volta-se a uma educação integral e humanizada, visando a formação de cidadãos que contribuem positivamente em nosso contexto social inclusivo. “Dedicamos um olhar amoroso e cuidadoso, em que respeitamos as necessidades individuais de cada um, pois entendemos que muito mais do que proporcionar condições adequadas para o ingresso de pessoas com deficiência no Ensino Superior, devemos oportunizar um ambiente acadêmico de cooperação, respeito, admiração, estimulando o desenvolvimento de potencialidades e livre de preconceitos”, completa Jaqueline.

A acadêmica do 9º período do curso de Ciências Contábeis, Camila Casagrande, está entre os alunos PCDs que recebem acompanhamento pedagógico e psicológico no UNIDEP, por meio do acolhimento ofertado pelo NED e pela CIA. Agora, ela integra a equipe que coordenará a Comissão na IES, enquanto representante discente. “Para mim, essa oportunidade de liderança é muito importante, pois é muito bom termos a voz de alunos PCDs atuantes na Comissão, assim como a inclusão de PCDs em diferentes contextos da faculdade”, reforça.

 A equipe da CIA do UNIDEP é composta por:

Jaqueline Bernardi Ferreira - representante do NED - Coordenação CIA

Graciela Caroline Gregolin - representante da Pesquisa e Extensão

Luciana de Freitas Bica - intérprete de Libras

Glaer Gianne Gewehr - representante docente

Clarice Donizete da Silva Santos - representante dos técnicos-administrativos

Camila Casagrande - representante discente

Kelly Cristina Zavadski - representante do NAPED

-----------

Matéria: Profa. Ma. Jozieli Cardenal Suttili / Jornalista MTB 9268 – PR

Coordenadora da Agência Experimental de Comunicação do UNIDEP

Fotos: Alan Winkoski, Agência Experimental de Comunicação do UNIDEP

Contato: [email protected]


Fonte: