às 16:25:00

Professora do UNIDEP ganha bolsa de estudos em metodologias ativas

Professora Ma. Poliana Martins, dos cursos de Administração e Ciências Contábeis, foi contemplada com cinco cursos formativos sobre metodologias ativas

A professora dos cursos de Administração e Ciências Contábeis do Centro Universitário de Pato Branco (UNIDEP), Ma. Poliana Martins, foi contemplada com uma bolsa de estudos do Programa de Metodologias Ativas do Santander Universidades, realizado em parceria com o Instituto Semesp. Com isso, ela integrou o time composto por onze professores do Grupo Afya Educacional contemplados pela iniciativa. Após receber a formação oportunizada pelo Programa, Poliana disseminará o conhecimento com seus alunos, bem como com docentes da IES, por meio do Núcleo de Apoio Pedagógico e Experiência Docente (Naped) e do Grupo de Estudos e Pesquisas em Metodologias Ativas da Aprendizagem (Gepmat).

Poliana compartilha o interesse pelo Programa, bem como a experiência de participar do processo seletivo. “O propósito de me inscrever para a seleção das bolsas de estudos desse curso de metodologias ativas, foi para conhecer mais sobre esse assunto, bem como aprender novas possibilidade de aplicá-lo em minhas aulas. O processo de seleção se deu por meio da inscrição no site do Becas Santander, onde foram oferecidas 603 bolsas de estudos para professores do Ensino Superior, que trabalham nas universidades conveniadas ao Santander Universidades e Semesp”, pontua.

Com a bolsa de estudos, ela foi contemplada com cinco cursos sobre metodologias ativas: Problem Based-Learning (PBL) ou Aprendizagem Baseada em Problemas; Peer Instruction ou Instrução pelos Colegas; Flipped Classroom ou a Sala de Aula Invertida; Team Based Learning; e Competências Digitais. “Os cursos foram realizados de maneira assíncrona, em que tive acesso a materiais e vídeos explicativos sobre como elaborar as atividades por meio de metodologias ativas. Essa oportunidade foi muito relevante para a minha atuação docente, pois agora posso implementar novas estratégias de ensino para incentivar os acadêmicos a aprenderem de forma autônoma e participativa”, ressalta. 

Poliana também integra o Gepmat e evidencia a importância do protagonismo acadêmico no processo de aprendizagem ativa. “Com o uso de metodologias ativas, oferecemos a oportunidade para os acadêmicos desenvolverem diversas habilidades e competências, dentre as quais: solução de problemas, pensamento criativo, colaboração, comunicação eficiente, inovação, entre outras. Assim, o aluno é o personagem principal e o maior responsável pelo processo de aprendizagem, em que o professor atua como facilitador e incentivador do desenvolvimento das habilidades do estudante. No Gepmat, nos aperfeiçoamos e trocamos experiências para que nossas aulas sejam mais dinâmicas e interativas”, conta.

A coordenadora do Naped, professora Ma. Graziela Scopel, enaltece a postura dos docentes do UNIDEP enquanto profissionais engajados e inovadores, sempre em busca de oportunidades formativas para o desenvolvimento da prática docente. “A professora Poliana é exemplo disso e representou o corpo docente do UNIDEP de maneira protagonista, sendo multiplicadora das aprendizagens aos demais colegas. Esse movimento de troca e compartilhamento de experiências fortalece e promove a qualidade do ensino, bem como uma melhor formação profissional aos nossos acadêmicos. Acreditamos que as metodologias ativas, enquanto práticas pedagógicas cuidadosamente planejadas pelo professor, proporcionam o desenvolvimento de profissionais mais completos, preparados e conscientes de seu papel na sociedade”, completa.

------------

Matéria: Profa. Ma. Jozieli Cardenal Suttili / Jornalista MTB 9268 – PR

Coordenadora da Agência Experimental de Comunicação do UNIDEP

Foto: Alan Winkoski, Agência Experimental de Comunicação do UNIDEP

Contato: [email protected]


Fonte: