às 16:30:00

Alunos de ADS têm projetos contemplados em programas de inovação

O projeto “Unicar: Mobilidade Universitária” está participando do Programa Centelha 2 e o “Skal Ticket” foi aprovado no Programa Santander Explorer Training

Acadêmicos do curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas do Centro Universitário de Pato Branco (UNIDEP) têm projetos contemplados no Programa Centelha 2 e no Programa Santander Explorer Training. Essas iniciativas buscam contribuir para o desenvolvimento de soluções criativas e inovadoras voltadas a problemáticas sociais, e foram incentivadas pelo Núcleo de Inovação e Empreendedorismo do UNIDEP, por meio da Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa, Extensão, Inovação e Internacionalização (PROPPEXII).

O Santander Explore Training oportuniza o desenvolvimento de ideias para solução de problemas globais que estejam alinhados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) para 2030, da Organização das Nações Unidas (ONU). Os projetos selecionados participam do processo de pré-incubação e, durante 12 semanas, recebem conteúdos e mentorias para o desenvolvimento do negócio. Ao final, os autores do melhor projeto do Brasil ganharão uma viagem para Valência, na Espanha.

O “Skal Ticket”, uma plataforma para gestão e venda de ingressos, foi o projeto do UNIDEP contemplado pelo Santander Explore Training. A proposta busca ajudar organizadores de eventos a comercializarem tickets por meio da tecnologia blockchain, um sistema que permite rastrear o envio e recebimento de ingressos.

Segundo Guilherme Miserski, acadêmico do 4° período de Análise e Desenvolvimento de Sistemas do UNIDEP, “foi incrível ter o projeto contemplado, além de estar imerso nesse ecossistema enorme que são startups, eu e meus colegas estamos aproveitando muito os ensinamentos sobre empreendedorismo e inovação, gerando networkings valiosos”, ressalta.

O Programa Centelha 2 é promovido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), em parceria com a Fundação Araucária, e por meio de capacitações, suporte e recursos financeiros visa estimular empreendimentos inovadores no Paraná. O processo de seleção possui três fases: ao todo, 482 projetos participaram da primeira e apenas 200 foram selecionados para a segunda etapa. Entre eles está o “Unicar: Mobilidade Universitária”, que está no processo e busca ser um dos 100 projetos selecionados para a última fase; nela, 50 propostas serão contempladas com o subsídio de R$ 60 mil.

A acadêmica Valentini Verona, do 4° período de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, é uma das autoras do projeto “Unicar: Mobilidade Universitária” e conta qual foi a sensação de ter sido contemplada para a segunda fase do Programa. “A aprovação no Centelha me trouxe uma imensa felicidade, é a validação de que todo o trabalho realizado anteriormente, com muito foco, dedicação e aprendizado, teve retorno”, destaca.

“O Unicar é um projeto desenvolvido em prol da mobilidade de estudantes universitários até à Instituição de ensino. O estudante reserva a sua carona com outro que já possui um veículo, evitando situações desconfortáveis no transporte público e economizando em relação a serviços de transportes particulares. Já quem dará a carona terá uma renda extra ao fazer o trajeto que lhe é habitual”, explica Valentini.

O Núcleo de Inovação e Empreendedorismo do UNIDEP contribuiu na construção dos negócios. “No Programa Santander, acompanhamos o projeto por meio de mentorias do iDaí, e a ideia também está participando do processo de pré-incubação do Sebrae/PR. No projeto contemplado pelo Programa Centelha, a ideação foi desenvolvida por meio do Hackthon que aconteceu em maio deste ano, após isso realizamos mentorias específicas para o preenchimento da inscrição nas diferentes fases do Programa”, conta o coordenador do Setor, professor Douglas Henrique Batista.

------------

Matéria: Suelen Oldoni, acadêmica do 2º período do curso de Publicidade e Propaganda do UNIDEP

Revisão: Profa. Ma. Jozieli Cardenal Suttili / Jornalista MTB 9268 – PR

Coordenadora da Agência Experimental de Comunicação do UNIDEP

Foto: Alan Winkoski, Agência Experimental de Comunicação do UNIDEP

Contato: [email protected]


Fonte: