às 14:14:00

UNIDEP participa da I Jornada Nacional de Fisioterapia Afya

De 22 a 26 de junho, aconteceu a I Jornada Nacional de Fisioterapia Afya, promovida pelo Centro Universitário de Pato Branco (UNIDEP), juntamente com o Centro Universitário Presidente Tancredo de Almeida Neves (UNIPTAN), Centro Universitário São Lucas (Porto Velho e Ji-Paraná), Centro Universitário Redentor (Unirendentor), Faculdade Santo Agostinho de Montes Claros (FASAMOC) e Centro Universitário Uninovafapi. A programação contou com temas voltados à internacionalização, às perspectivas da Fisioterapia durante e após a pandemia do Covid-19, abordagens que debateram o cenário nacional e internacional.  

O professor Me. Michel Henrique Baumer, coordenador do curso de Fisioterapia do UNIDEP e coordenador nacional de Fisioterapia da Afya Educacional, organizou a programação juntamente com as demais unidades envolvidas, o que oportunizou a viabilização de uma programação diversificada, com abrangência nacional, uma vez que a Instituições de Ensino Superior (IES) do grupo situam-se em diferentes regiões do país.  

“Lancei o desafio para que as demais coordenações buscassem nomes para compor a programação do evento, nas datas planejadas, assim coordenei os esforços de um trabalho feito a quatorze mãos, uma vez que cada unidade fez a sua contribuição em termos de planejamento e execução. Por isso, com certeza, esta foi a primeira de muitas outras Jornadas que ainda iremos realizar juntos”, pontua o professor Michel.  

Para o professor, a temática relacionada ao Covid-19 acompanhou o momento pelo qual a sociedade está passando, em que os profissionais convidados são expoentes em suas áreas de atuação, com vasto repertório de publicações e com reconhecimento na comunidade acadêmica. “A pluralidade de cenários e a proveniência dos convidados oportunizaram uma troca de experiências singular, ainda mais em um momento tão crítico para os profissionais das áreas da Saúde”, enaltece.  

A programação da I Jornada Nacional de Fisioterapia Afya contou com aproximadamente 700 inscritos, das cinco regiões do Brasil. “Isso demonstra a força que a integração oferece aos nossos acadêmicos, pois a participação em um evento que congrega acadêmicos de diferentes fusos horários, confirma as grandezas e os desafios dessa ação integrada”, completou Michel.    

------------

Matéria: Profa. Ma. Jozieli Cardenal Suttili / Jornalista MTB 9268 – PR

Coordenadora da Agência Experimental de Comunicação do UNIDEP

Contato: [email protected]  


Fonte: