às 16:15:00

Contábeis tem alunos aprovados no Conselho Federal

Eloisa Maria de Andrade e Higor Bufon dos Santos foram aprovados no Exame de Suficiência do Conselho Federal de Contabilidade (CFC)

O Centro Universitário de Pato Branco (UNIDEP) celebra a aprovação da acadêmica Eloisa Maria de Andrade, do 6° período do curso de Ciências Contábeis e do egresso, Higor Bufon dos Santos, no Exame de Suficiência do Conselho Federal de Contabilidade (CFC). A avaliação é um dos requisitos para  obtenção do registro profissional no Conselho Regional de Contabilidade (CRC), que regulamenta as atividades exercidas pelo contador.

Os bacharéis em Ciências Contábeis que desejam exercer a profissão de contador necessitam realizar o exame. “Para ter êxito no teste de suficiência, uma boa preparação com os conteúdos abordados é fundamental, pois são questões de múltipla escolha que exigem interpretação, entendimento e principalmente conhecimento sobre a área contábil”, destaca o coordenador do curso de Ciências Contábeis do UNIDEP, professor Me. Alaxendro Rodrigo Dal Piva.

A IES estimulou a obtenção da certificação por meio de simulados e aulas específicas. “Estamos constantemente buscando trazer maior compreensão e aplicabilidade ao que é solicitado no teste, uma vez que os alunos que estão no último ano da faculdade já podem se inscrever para realizar a prova. Por meio dos aulões aplicados em momentos distintos, proporcionamos uma revisão e um melhor entendimento das questões”, ressalta.

O coordenador conta, ainda, que a aprovação permite a ampliação das habilidades do profissional da área contábil. “Ao estimular os alunos pela busca do registro e na conquista da sua independência profissional, os acadêmicos são condicionados a construir uma carreira focada em seus objetivos pela escolha do curso”, comenta.

O egresso aprovado no exame, Higor Bufon dos Santos, comenta como a programação organizada pela Instituição auxiliou no exame. “Fiz um aulão disponibilizado pela faculdade com questões e assuntos atualizados que me ajudaram bastante durante a realização da prova, e com certeza proporcionaram minha aprovação”, evidencia.

Segundo Eloisa Maria de Andrade, as aulas foram planejadas para estimular os acadêmicos na busca de conhecimento. “As nossas aulas foram moldadas em metodologias ativas que fizeram com que nós, acadêmicos, sejamos mais proativos e busquemos sempre mais conhecimento. Além dos aulões, o UNIDEP disponibilizou um simulado com questões que já haviam sido aplicadas no exame”, comenta.

------------

Matéria: Suelen Oldoni, acadêmica do 2º período do curso de Publicidade e Propaganda do UNIDEP

Revisão: Profa. Ma. Jozieli Cardenal Suttili / Jornalista MTB 9268 – PR

Coordenadora da Agência Experimental de Comunicação do UNIDEP

Foto: Alan Winkoski, Agência Experimental de Comunicação do UNIDEP

Contato: [email protected]


Fonte: