Notícia

Acadêmicos do curso de Medicina do UNIDEP criam operação voltada à prevenção ao novo coronavírus

Publicado dia 21/03/2020 às 01:29

Embora o Centro Universitário de Pato Branco (UNIDEP) esteja com as atividades de ensino suspensas nesta semana, acadêmicos do terceiro ano do curso de Medicina, juntamente com a coordenação do curso de Medicina, estão desenvolvendo a Operação Médica-Acadêmica de Consciência e Prevenção ao Covid-19. As atividades acontecem de maneira remota, pelas redes sociais, visando informar a comunidade sobre medidas de prevenção, divulgando pesquisas de cunho científico e orientações de órgãos oficiais.

Além das publicações, que já estão acontecendo pelo instagram @operacaocovid, os acadêmicos, orientados pelos professores, estão recebendo e sanando dúvidas também pelo email [email protected]. A ideia é que, semanalmente, os acadêmicos possam produzir conteúdo próprio, além de entrevistas com especialistas, a exemplo do bate-papo realizado com a Dra. Isabella Albuquerque, médica infectologista pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e mestre em Saúde Pública pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). A entrevista você confere a seguir:

Operação Unidep: Doutora, o que é o Covid-19?

Dra. Isabella Albuquerque - Este nome é dado à infecção por um novo coronavírus (SARS-CoV-2), que vem assolando a população mundial, desde que, desde meados de dezembro de 2019, registrou casos de pneumonia complicada com insuficiência respiratória, relatados na cidade de Wuhan, na China.

Operação Unidep: Quando os primeiros casos foram oficialmente repostados à Organização Mundial de Saúde?

Dra. Isabella Albuquerque - No final de dezembro de 2019.

Operação Unidep: A infecção já se encontra presente em todos os continentes do mundo?

Dra. Isabella Albuquerque - Sim. No Brasil, até 19/03/20, são 621 casos confirmados, 65 deles no estado do Rio de Janeiro.

Operação Unidep: Quais são as características dessa infecção? Como preveni-la?

Dra. Isabella Albuquerque - Trata-se de infecção de fácil contágio, principalmente através de gotículas emitidas por tosse ou espirros, além do contato com superfícies contaminadas. As medidas de prevenção são baseadas na interrupção da cadeia de contágio e cada um de nós tem papel fundamental. Portanto, devemos:

- Manter distância de casos suspeitos – como o alcance das gotículas fica em torno de 1-2metros, é muito importante evitar aglomerações; se puder ficar em casa, essa é a melhor estratégia a ser adotada no momento.

- Realizar a higiene das mãos – lavagem com água e sabão ou fricção com solução de álcool a 70% (que pode ser líquida ou em gel).

- Ter etiqueta respiratória – não tossir ou espirrar nas mãos; usar sempre lenço descartável ou a prega do cotovelo.

- Não compartilhar artigos de uso pessoal – copos, talheres, toalhas, etc.

- Manter os ambientes bem ventilados.

A Operação Médica-Acadêmica de Conscientização e Prevenção ao Covid-19 é liderada e idealizada pelos acadêmicos Rodrigo Gardona, Lucas Romero do Prado e Alini Zandonai. Além da participação dos estudantes Ana Carolina Villar de Sena, Angélica Denardi, Ana Lígia Scotti Alérico, Ailla Mazon Danielski, Liamara Correa, Gabriella Fergutz, Horácio Júnior, João Elias Fadel, Laura Maria Voss Spricigo, Juliana Girotto de Oliveira, Lara Gandolfo, Maria Clara Vida Cassi e Amanda Bringhentti. A orientação é feita por professores do UNIDEP e médicos colaboradores.

------------

Texto e entrevista: Operação Médica-Acadêmica de Conscientização e Prevenção ao Covid-19

Revisão: Profa. Ma. Jozieli Cardenal Suttili / Jornalista MTB 9268 – PR

Coordenadora da Agência Experimental de Comunicação do UNIDEP

Contato: [email protected] // (46) 3220-3015